Mauro e governadores criam consórcio com foco ambiental em novo modelo de desenvolvimento

O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes e mais oito governadores dos Estados da Amazônia Legal assinaram, hoje, a Carta de Macapá que tem como foco o desenvolvimento da produção agrícola aliado à conservação ambiental da região e instalaram o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal formado por Mato Grosso, Amapá, Acre, Amazonas, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. “Iremos discutir muitos pontos e sinergias que são comuns a todos os Estados. Nós temos muitas demandas nas áreas de infraestrutura e do setor produtivo, mas, a principal pauta será a questão ambiental com um modelo de desenvolvimento que nos permita crescer e agregar valor, e que o mundo possa pagar a essas regiões pela preservação e pelo serviço ambiental tão importante que é prestado ao mundo”, explicou Mauro Mendes.

Os chefes de Estado passam a atuar em bloco nas negociações para captação de recursos e financiamentos de sua carteira de projetos sustentáveis, junto a organismos financeiros nacionais e internacionais, buscando o equilíbrio financeiro e o desenvolvimento econômico de forma sustentável. “Essas discussões serão tocadas, de agora em diante, pelo consórcio criando sinergia na área de compras de materiais e equipamentos, para melhorar a prestação de serviço público em toda a Amazônia”, destacou o governador de Mato Grosso.

Eles decidiram hoje criar Câmaras Setoriais para Planejamento e Gestão Estratégica; Gestão Fiscal e Tributária; Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Segurança Pública; Comunicação Pública; Educação; e Saúde. Nelas, os chefes de Estados se comprometeram a tratar dos assuntos como prioridade, construindo mecanismos de atuação em conjunto, a partir de estratégias em defesa do desenvolvimento da região, informa a assessoria.

Fonte:Só Notícias 

BANNER
COMPARTILHAR

Comentários