Desembargador crê que em 2 anos finança do Estado estará regularizada

O desembargador  do Tribunal de Justiça, Orlando Perri, está confiante na gestão Mauro Mendes (DEM) à frente do governo.  Ele acredita que o chefe do Paiaguás vai arrumar as finanças do Estado.

Contudo, afirma que não se dará da noite para o dia. “É necessário restabelecer  a ordem econômica e financeira do Estado, que está passando  por uma grave crise”, disse o desembargador.

Porém, ele acha que o novo levará no máximo dois anos para o Estado estar com a sua finança regularizada.

COMPARTILHAR

Comentários