Ex-prefeito é condenado por usar máquinas e servidores em obra particular

Ex-prefeito de Primavera do Leste, Getúlio Viana (PSB), foi condenado pela Justiça de Mato Grosso a 4 anos de prisão sob acusação de ter utilizado maquinário, servidores, combustível e materiais públicos para obras em uma propriedade particular na propriedade de um amigo dele.

No entanto, Getúlio que é irmão do deputado estadual Zeca Viana (PDT) e foi derrotado na disputa pela prefeitura daquele município em 2016, teve a pena substituída por prestação de serviços à comunidade e terá ainda que pagar 10 salários mínimos.

Conforme o Ministério Público, o então prefeito colocou equipamentos e servidores de Primavera do Leste para trabalhar na abertura de ruas, intervenções em avenidas e construção de asfaltos para construção de um novo loteamento nas proximidades de uma universidade particular da cidade. A decisão foi proferida pelo juiz Alexandre Pampado.

COMPARTILHAR

Comentários